Home / Artigo / Coreanos mais uma vez à frente em estudo de fiabilidade americano
Coreanos mais uma vez à frente em estudo de fiabilidade americano
21 Ago, 2019

As marcas do grupo sul-coreano Hyundai voltaram a ser as mais bem classificadas no Estudo de Qualidade Inicial (IQS) da JD Power 2019 dos EUA. Genesis (não disponível em Portugal, é a marca premium do grupo), Kia e Hyundai ocuparam os três lugares cimeiros.

O IQS é medido pelo número de problemas experimentados por 100 veículos durante os primeiros 90 dias de propriedade, com uma pontuação mais baixa a refletir maior qualidade.

No estudo deste ano, apenas 13 marcas melhoraram, enquanto 18 pioraram. A média permaneceu igual a 2018 e ficou em 93 PP100.

A Genesis tem uma pontuação de 63 pontos em 100, a Kia de 70 e a Hyundai de 71. As três marcas do grupo Hyundai não só mantiveram a liderança, como alargaram a distância face às demais. Foi o quinto ano consecutivo em que a Kia foi a marca generalista mais bem cotada na análise da JD Power. A Ford (83 pontos) ocupou o quarto lugar e a Lincoln (84), que é a marca premium do construtor da oval azul, o quinto posto.

De notar que, ao contrário do que acontece com os construtores sul-coreanos, todas as marcas europeias estão abaixo dos 93 PP100 de média, enquanto as marcas norte-americanas têm um desempenho superior àquela média.

Se analisarmos apenas um modelo, o Porsche 911 volta em 2019 a apresentar a melhor pontuação, com 58 pontos.

A Land Rover foi a marca que mais melhorou face ao ano passado, com os proprietários a relatarem menos 37 ocorrências em 100 unidades do que em 2018. Outras marcas com fortes melhorias foram a Jaguar (melhoria de 18 por 100) e a Dodge e a Volvo (ambas com melhorias de oito em 100). Esta foi a melhor performance de sempre da Dodge no estudo da JD Power.

Por grupos, o destaque vai para o grupo Hyundai (seis modelos premiados), seguida pela General Motors (cinco), BMW (três), Ford e Nissan (dois cada).

“Os construtores continuam a progredir em áreas como o infotainemnt, que atraem muita atenção do consumidor”, disse Dave Sargent, vice-presidente de global automotive da JD Power. “No entanto, alguns problemas tradicionais surgiram este ano, incluindo imperfeições na pintura, ruídos de travões e suspensões, motores que não arrancam e a luz do check engine no início da experiência de propriedade.

Além disso, mais pessoas estão a ter problemas com os seus sistemas avançados de assistência ao condutor, que são críticos para construir a confiança do consumidor em futuros veículos automatizados”.

Toyota lidera nas fábricas
No âmbito das fábricas, a mais premiada foi a Toyota. A marca japonesa viu a unidade de Cambridge North (Canadá), que produziu o Toyota Corolla, a receber o Platinum Plant Quality Award por produzir veículos com o menor número de defeitos ou defeitos de funcionamento.

A fábrica Tsutsumi 1 (Japão) da Toyota, que produz o Prius, e a fábrica da BMW em Regensburg (Alemanha), que produz Série 4, X1 e X2, recebem, respetivamente, o Gold Quality Quality Award para a Ásia-Pacífico e Europa/África.

Tags: 
Fiabilidade
Hyundai
Kia

Receba a nossa Newsletter

Receba periodicamente conteúdos sobre as tendências de mobilidade e do setor automóvel

Receba a nossa Newsletter

Receba periodicamente conteúdos sobre as tendências de mobilidade e do setor automóvel

Pin It on Pinterest