Home / Artigo / Família SUV Mercedes com novo membro à espreita
Família SUV Mercedes com novo membro à espreita
17 Jul, 2019

A Mercedes continua a aumentar a gama SUV. A marca alemã revelou o GLB, que chegará a Portugal no fim do ano e será situado entre o GLA e GLC.

Já com o sistema de infotainment MBUX (como todos os novos modelos Mercedes), tem a particularidade de poder ter sete lugares (opcionais), com a terceira fila a possibilitar ter passageiros com até 1,68 metros de altura.

O GLB tem 2,829 metros de distância entre eixos, mais 10 centímetros que o recente Classe B, o que permite oferecer 967 milímetros de espaço para as pernas na parte traseira (versão de cinco lugares). Quanto à bagageira, a capacidade varia, na configuração de cinco lugares, entre 560 e 1755 litros.

O novo GLB está equipado com motores a gasolina e a diesel que foram atualizados para terem mais potência e reduzirem consumos e emissões, de acordo com a Mercedes. A motorização de entrada na gama de modelos a gasolina é a M 282, com 1.33 cc e 163 cv, no GLB 200. Este motor tem a função de desligar os cilindros para uma operação eficiente na gama de funcionamento com carga parcial.

Graças ao pós-tratamento dos gases do escape, a unidade diesel 2.0 (OM 654q) do GLB 200 d/GLB 220 d com 150 cv e 190 cv, respetivamente, e com caixa de dupla embraiagem 8G-DCT tem homologação Euro 6d e já cumpre o nível 2 da norma RDE (Real Driving Emissions), que só entrará em vigor a partir de 2020.

De referir que, em certas motorizações, o modelo está equipado com o sistema de tração integral permanente 4MATIC. Esta configuração de tração integral permite ao condutor utilizar o interruptor DYNAMIC SELECT para adaptar as caraterísticas do sistema 4MATIC.

Há três modos para controlar a tração. Em condições normais de condução, o programa de condução “Eco/Comfort” baseia-se numa distribuição 80:20 (eixo dianteiro, eixo traseiro), enquanto em “Sport” essa distribuição é de 70:30. Em modo off-road, a tração integral funciona como um bloqueio do diferencial entre eixos, fixando-se a distribuição básica um num valor equilibrado de 50:50.

Tags: 
Mercedes
SUV

Receba a nossa Newsletter

Receba periodicamente conteúdos sobre as tendências de mobilidade e do setor automóvel

Receba a nossa Newsletter

Receba periodicamente conteúdos sobre as tendências de mobilidade e do setor automóvel

Pin It on Pinterest