Home / Artigo / Hyundai refina argumentos do citadino i10
Hyundai refina argumentos do citadino i10
07 Fev, 2020

A Hyundai operou um restyling ao seu citadino i10. As mudanças são estéticas e tecnológicas.

Começando pela imagem, destaque para o tejadilho rebaixado e para a nova grelha frontal com luzes diurnas LED. No habitáculo, o painel de decoração é novo. A bagageira mantém os respeitáveis 252 litros e o modelo continua a poder transportar (com o desafogo possível para um citadino) cinco pessoas, o que pode ser útil.

No interior do renovado Hyundai i10 destaca-se ainda o ecrã tátil de oito polegadas com conectividade Apple CarPlay e Android Auto, além do sistema de telemática Bluelink. Ainda no campo da tecnologia, mas de segurança, o citadino sul-coreano está equipado com o sistema de segurança ativa SmartSense da Hyundai, que inclui travagem autónoma de emergência e o sistema de controlo automático dos máximos.

O modelo está disponível com duas motorizações a gasolina, uma 1.0 de três cilindros com 67 cv e outra 1.2 de quatro cilindros de 84 cv. Ambas estão disponíveis com duas opções de caixa, manual de cinco velocidades e robotizada (manual de funcionamento automático) também com cinco marchas.

No que se refere a preço, o Hyundai i10 é proposto desde 14 500 euros (12 200 euros se associado a campanha financiamento própria). A marca oferece sete anos de garantia.

N Line no segundo semestre
O renovado Hyundai i10 terá, também uma versão mais apimentada N Line. Além de pequenos detalhes (exteriores e interiores) de maior desportivismo, esta versão, que será lançada no segundo semestre de 2020, contará com motor turbo a gasolina 1.0 T-GDi de 100 cv, além do 1.2 com 84 cv. Ambos terão acoplada caixa manual de cinco velocidades.

Partilhar em:
Tags: 
carros citadinos
Hyundai

Receba a nossa Newsletter

Receba periodicamente conteúdos sobre as tendências de mobilidade e do setor automóvel

Receba a nossa Newsletter

Receba periodicamente conteúdos sobre as tendências de mobilidade e do setor automóvel